Pequenos atletas: a importância do esporte na infância

A prática de exercícios físicos é fundamental para a saúde do corpo de da mente. Movimentar o corpo constantemente a aliar isso a uma alimentação saudável é um grande passo para uma melhor qualidade de vida. O fortalecimento dos ossos, enrijecimento dos músculos, perda de peso e mais resistência corporal são alguns dos muitos benefícios proporcionados pela prática regular dos exercícios, em especial, os esportes.

Dados da IBGE apontam que apesar da desnutrição ainda ser realidade no Brasil, existem cerca de 70 milhões de brasileiros, ou seja, 40% da população acima do peso adequado. Se durante a vida adulta cuidar do peso através dos exercícios é importante, durante a infância ela é fundamental.

foto: divulgação

A natação é uma das atividades que pode ser feita até pelas crianças pequenas

A pedagoga Bruna Azambuja explica que o esporte é importante tanto para a saúde do corpo, como a saúde da mente. “O esporte enquanto instrumento pedagógico pode desenvolver vários aspectos na criança, contribuindo tanto para o desenvolvimento intelectual, cognitivo e moral.” A interação social, através de brincadeiras com os amigos são importantes para que a criança se sinta parte da sociedade. Seja em uma partida de futebol, passeios de bicicleta ou qualquer outra forma de esporte, a mente da criança fica saudável junto com o corpo.

O uso em excesso do computador, tablets e vídeo games faz com que os pequenos passem muito tempo parados, e isso gera efeitos negativos. O professor de educação física da UPF, Nelson João Tagliari conta que ao praticar esportes, as crianças adquirem disciplina ao focar sua atenção naquela atividade. “Essa disciplina irá refletir na vida social das crianças, pois serão jovens concentrados em seus objetivos”.

Mas a prática de exercícios também requer cuidados. Para Tagliari, saturar as crianças pode surtir efeitos negativos, causando apatia aos esportes e até problemas de saúde. Tudo deve ter acompanhamento de professores ou profissionais que saibam acompanhar as crianças e desenvolver atividades que visem o prazer na prática dos esportes.

Se você se interessou por esse assunto, assista o programa Universidade Aberta que fala sobre o projeto de pesquisa”Atleta do futuro”, desenvolvido pelas faculdades de Educação Física e Fisioterapia da UPF.  O programa é produzido pelo Núcleo Experimental de Jornalismo em parceria com a UPF TV.